segunda-feira, junho 05, 2006

A que sonho pertences?...

Hoje senti-te perto...
Não me afastei...
simplesmente escondi-me...
para tu não me poderes encontrar!
Com tanta gente na tua vida
como posso eu querer entrar?
A tua vida é uma casa,
não é que seja muito grande
mas tem muitas janelas abertas...
que teimas em não querer fechar!
Falar contigo é um perfume
que só me apetece respirar...
Queria que te sentisses livre,
livre para poderes amar...
Tentamos plantar pessoas nas nossas vidas,
para o outro aconselhar,
só para pensarmos...
que somos indiferentes um ao outro?!!
Pelo menos eu faço-o...
para que tu não descubras este bem querer...
Nem eu sei se realmente te quero,
se fazes parte do meu sonho de felicidade,
de desejo...,
de amor... ou
de amizade...
Vem tempo,...
passa tempo....
para contigo eu compreender.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home