sexta-feira, agosto 11, 2006

Um lugar como qualquer outro...

Um dia... como qualquer outro...

Um final de tarde... como tantos outros...

Um caminho a percorrer... como tantos que ainda estão por percorrer...

Onde só se ouve o ranger da madeira...

dos meus passos...

das ondas a beijarem a areia...

das gaivotas á procura de um alimento esquecido...

e da minha alma a ansiar pela tua...

1 Comments:

Anonymous mª-Danny said...

poética sentimental...gostei muito da originalidade com que combinas-te a imagem com o texto!!!

13 janeiro, 2007 13:56  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home